3 TÉCNICAS PARA FAZER SEU SITE VENDER MAIS!

Quer aprender como tirar proveito de suas visitas ao site e converter essas visitas em clientes? Nesse artigo nós iremos te ensinar quais são os passos para se fazer isso e conseguir ótimos resultados! Boa leitura.

Antes de mais nada é importante salientar que o tipo de produto que a sua empresa vende, conta muito. Afinal, vendas complexas demandam mais tempo até que as estratégias de marketing de conteúdo comecem a gerar resultados. Por isso, é necessário fazer tudo com bastante calma e ter sempre em mente o funil de vendas e cada uma de suas etapas: Atração > Conversão > Relacionamento > Vendas. Do contrário, sua empresa só irá perder tempo e dinheiro pois não terá nada além de um site que não gera resultados.

Mas o simples fato de trazer visitas para o seu site está cada vez mais difícil, certo? Isso porque os custos por clique no Adwords e no Facebook aumentam a cada dia.

E com isso, muitas empresas estão investindo pesado em SEO, por exemplo, para chegar às primeiras posições dos mecanismos de busca de forma orgânica, o que torna esse “mercado” extremamente competitivo.

As estratégias de Marketing de Conteúdo estão se tornando cada vez mais sofisticadas para conseguir chamar a atenção dos usuários.

Neste cenário atual, onde gerar tráfego está demandando tanto esforço e dinheiro, é fundamental que você seja capaz de aproveitar ao máximo as suas visitas.

Por isso, se você está fazendo investimentos para trazer pessoas ao seu site mas não se esforça da mesma forma para transformar esses visitantes em clientes, você tem nas mãos uma velha receita para o fracasso. =/

Para conseguir se destacar de verdade no Marketing Digital, não esqueça nem por um momento que: visitas são custo! E você só vai conseguir transformar essas visitas em dinheiro se você for capaz de convertê-las em clientes.

Como converter visitas em clientes?

Nesse momento você já deve ter entendido que seu principal objetivo vai além de gerar visitas, certo? Afinal, isso é apenas um meio para se chegar a um fim. E esse fim que estamos falando é: trazer novos leads ou clientes para sua empresa.

Mas, para isso, é necessário fazer algumas mudanças em seu site. E o primeiro ponto a ser observado e implementado é:

1. Ofereça garantias

Conquistar a confiança de alguém na internet não é uma tarefa fácil. Isso porque a pessoa em questão provavelmente nunca te viu e possivelmente nunca ouviu falar de você ou do seu produto.

Você sabia que diversas vendas online não são finalizadas simplesmente porque o visitante não se sentiu seguro o suficiente para fazer a transação?

Por esse motivo, seu dever, como vendedor, é aumentar essa sensação de segurança do usuário. Ou seja: diminuir o risco do seu cliente em um negócio.

Por isso fica a nossa dica: ofereça garantias!

Que tipo de garantias? Existem inúmeras. Mas não esqueça que tais garantias devem ser atraentes para o seu público e, ao mesmo tempo, possível para seu negócio viabilizar.

Uma das garantias mais tradicionais (e eficientes) é a “Ou o seu dinheiro de volta.”

Essa garantia é bem auto explicativa: o cliente compra o produto/serviço. Se depois de começar a usar, ele não gostar, esse cliente poderá solicitar o dinheiro da compra de volta.

Muitas empresas limitam essa garantia a uma certa quantidade de tempo após a compra que pode variar de poucos dias a meses ou até anos. Porém, também existem aquelas que dão garantia vitalícia. Nesse caso, o cliente pode solicitar a devolução do seu dinheiro quando bem entender, independente de há quanto tempo ele fez sua compra.

No começo, não é necessário que você seja tão extremo assim com suas garantias. Mas não tenha medo de experimentar. Muitas pessoas temem oferecer garantias como a citada acima porque acham que “todo mundo vai pedir o dinheiro de volta”.

Não é bem assim que funciona. Acredite: a não ser que seu produto seja péssimo e/ou sua venda seja enganosa, poucas pessoas vão ativar a cláusula do dinheiro de volta.

2 – Use o texto de seus CTAs sempre a seu favor

Um elemento muito importante dos botões de conversão, que não pode ser esquecido, é o texto que está dentro deles.

“Enviar”? “OK”? Não. Isso não é o suficiente.

Botões assim, inicialmente criados pelos anciões Webmasters, não são claros sobre o que vai acontecer com o usuário quando ele clicar ali. Não deixe dúvidas sobre qual ação será desencadeada quando alguém interagir com o seu CTA.

Além disso, você também precisa persuadir o usuário a clicar no seu CTA. E para fazer isso, nada melhor do que simplesmente criar um texto mostrando que o usuário vai conseguir algo bom para ele, algo que ele deseja, clicando naquela botão.

Confira o exemplo abaixo. Trata-se de um Call To Action utilizado aqui no SiteNauta:

 

3 – Use cores que convertem

Talvez você já tenha lido em algum lugar que afirma que na internet, a utilização de botões de conversão (também chamados de Call to Action) verdes convertem mais do que se tivessem qualquer outra cor.

Porém, não vá sair alterando todas as suas CTA’s para verde assim não.

O seu cérebro é programado para dar atenção a cores que fogem do “padrão” do cenário onde elas estão inseridas.

Por isso, se você deseja que o seu Call to Action chame a atenção do usuário, ele deve ter uma cor que gere CONTRASTE com a cor mais dominante no layout do seu site.

Exemplo: se o seu site tem um layout predominantemente azul, uma boa cor para o seu botão seria amarelo.

O verde até pode ser a cor mais interessante para um Call to Action. Desde que a cor predominante do layout seja vermelho, e assim por diante.

Confira um exemplo que separamos para você que combina muito bem cores e texto:

Esperamos ter ajudado. Caso tenha alguma dúvida, é só mandar pra gente através dos comentários abaixo. Até a próxima semana!

Voltar