Conceitos do marketing tradicional que podem ser utilizados pelo marketing digital

PARA QUEM VOCÊ QUER COMUNICAR?

Conhecer o seu público é o primeiro passo antes de começar a traçar uma estratégia de comunicação. Você precisa saber quais são as dificuldades do seu cliente, assim como suas forças, desafios e interesses. Somente depois de ter todas estas informações em mãos é que você poderá começar a pensar em ações que consigam atingir os objetivos propostos ao seu cliente.

ENGAJAMENTO

Engajamento é, basicamente, a interação do seu público alvo com o conteúdo que a sua marca disponibiliza. Seja por likes, visitas ao seu site... Este processo abarca 4 etapas fundamentais que são: envolvimento, interação, intimidade e influência.

No envolvimento são mensuradas as relações dos usuários em seus ambientes virtuais, seja seu site, Fanpage, blog, Instagram. A interação compreende as conexões feitas pelos usuários como solicitações de informação, comentários, menções.

Já na etapa de intimidade, seu cliente já possui uma certa ‘relação” ou admiração pela sua marca. A influência é o ponto em que seu cliente já deixou de ser apenas fã/seguidor para se tornar um divulgador da sua marca, expondo para as pessoas do seu ciclo de amizade a experiência favorável que teve com você.

KPI

KPI é uma sigla que significa Key Performance Indicator, ou, Indicador-chave de Desempenho. É utilizada para averiguar se os objetivos propostos estão sendo alcançados.

Antes de criar um planejamento de marketing, o profissional precisa delimitar quais são os KPI’s a serem medidos e acompanhá-los constantemente para determinar se a campanha está atingindo as expectativas ou não.

TAXA DE CONVERSÃO

Faça o acompanhamento dos resultados de seu negócio através da Taxa de Conversão (TC). Com ela, você pode mensurar números ligados aos resultados alcançados com campanhas estratégicas de marketing, dentre outros dados do universo online.

Entretanto, é importante ressaltar que a TC varia de acordo com o objetivo que cada campanha estipula. Não necessariamente implicam em vendas em si. A TC pode ser o número de cliques em seu banner, matérias lidas em seu site, leads ou até mesmo a solicitação de um orçamento.

CPC, CPM E CPA

CPC significa Custo por Clique, ou seja, você paga somente quando seu anúncio obtiver cliques. Esse é o modelo mais utilizado pelo Google Adwords e vem se popularizando devido ao fato de mostrar o número exato de pessoas interessadas em seu anúncio.

CPM é a abreviatura de Custo Por Mil Impressões. Diferentemente do CPC, aqui o anunciante compra um espaço de divulgação para o seu banner. Quanto mais “nobre” for o espaço, mais caro será o CPM. Esta prática pode ser utilizada para gerar cliques para a sua página ou apenas de reforço da marca.

CPA significa Custo Por Aquisição. É o mais complexo, e também caro modelo de promoção. No CPA o anunciante paga a plataforma de divulgação somente quando os objetivos da campanha forem atingidos. Por isso, esta estratégia tende a custar 50% a mais do que as demais divulgações como COM e CPC.

ROI

Ou Retorno de Investimento, é o indicador mais importante de qualquer estratégia de marketing. Para calcular o ROI, utiliza-se a fórmula abaixo:

ROI= receita – custo/ custo x 100.

Exemplo: Se Joana investiu R$ 1.000,00 em uma campanha e seu lucro foi de R$ 1.500,00, calcula-se (1.500 – 1000)/1000=0.5 x 100 = 50%. Este é o seu ROI.

ESPERAMOS QUE ESTES CONCEITOS POSSAM TE AJUDAR A PENSAR E ARQUITETAR MELHOR SEU PLANEJAMENTO DE MÍDIA. ESTAMOS SEMPRE PUBLICANDO CONTEÚDO NOVO REFERENTE AO MARKETING DIGITAL E OUTRAS COISINHAS DO UNIVERSO VIRTUAL. POR ISSO, NÃO DEIXE DE NOS ACOMPANHAR NAS REDES SOCIAIS. 

Voltar